Jornal Mundo Espírita

Setembro de 2019 Número 1622 Ano 87

Trinta anos da sede administrativa

março/2015

Dia 31 de março de 1985 foi inaugurada a atual sede administrativa da FEP, na Alameda Cabral, número 300 que, desde 1915, funcionava no prédio da Saldanha Marinho, atual Sede Histórica. A antiga sede chegou a abrigar o Albergue Noturno, a Livraria Espírita, a 1ª URE, em seu piso inferior, enquanto as atividades doutrinárias, compreendidas primordialmente pelas palestras públicas aos domingos e os afazeres administrativos se situavam no primeiro andar.

Ao longo dos anos, o prédio foi se tornando incapaz de acolher tantas atividades. O Albergue Noturno foi transferido a sede própria, mas o velho casarão rangia ante o grande afluxo de pessoas, especialmente, em datas em que oradores de renome se apresentavam, o que atraía elevado número dos frequentadores.

Lembramos que foi num domingo pela manhã, depois de uma palestra pública, com muitas pessoas em pé, espalhando-se pelos corredores e salas superiores, que o então presidente da FEP, João Ghignone, lançou a campanha para a construção de uma nova e maior sede. Como sinal de sua vontade férrea de que se concretizasse o objetivo, tomou de um cheque, o preencheu, assinou, colocou sobre a mesa, dizendo que com ele iniciava a campanha de arrecadação dos fundos necessários. Foram demorados os aplausos.

Com a transferência das atividades para a sede construída, a antiga passou por ampla reforma, mantendo a fachada externa em todos seus detalhes e cores originais, enquanto a parte interna foi totalmente refeita, sob supervisão dos organismos próprios, por se tratar de imóvel tombado pelo patrimônio público.

Foto: Acervo FEP

Assine a versão impressa
Leia também