Jornal Mundo Espírita

Setembro de 2019 Número 1622 Ano 87

Suely Caldas Schubert no aniversário da FEP

outubro/2016 - Por Jaqueline Ribeiro da Costa de Souza

O frio e a chuva não foram empecilho para garantir teatro lotado no domingo, 21 de agosto. A oradora espírita, Suely Caldas Schubert, que coordenara, no mesmo local, seminário, no dia anterior, sob o título A transformação do homem na Era da regeneração, palestrou, em comemoração aos 114 anos da FEP.
Sob o tema Brilhe a Vossa Luz, Suely falou da riqueza das obras espíritas na busca do autoconhecimento, destacando títulos que são verdadeiros roteiros para a autoiluminação: Depois da Morte (Léon Denis), Transição Planetária (Manoel Philomeno de Miranda/Divaldo Pereira Franco), Em Nome do Amor (Bezerra de Menezes/Divaldo Pereira Franco), O Consolador, Fonte Viva, Pensamento e Vida, Vinha de Luz (Emmanuel/Francisco Cândido Xavier), Os Mensageiros, No Mundo Maior (André Luiz/Francisco Cândido Xavier), Em Nome de Deus (José Lopes Neto/José Raul Teixeira).
Para Suely, a Doutrina Espírita se situa na vanguarda dos tempos, pois está preparando o futuro.
Por consequência, os espíritas são grandes responsáveis por essa construção. Nesse sentido, pontuou a importância do autoconhecimento, que permite a descoberta do potencial de cada um e a contribuição individual, no processo de transição planetária.
Também falou sobre a importância do Evangelho no Lar e da Evangelização Infantil, convidando ao investimento nas crianças, pois elas estão ajudando a iluminar o mundo.
Aproveitando o ensejo da data, a palestrante saudou a Federação Espírita do Paraná e relembrou os pioneiros na construção do Movimento Espírita neste Estado.

Foto:Jackson Adriano Ferreira

Assine a versão impressa
Leia também