Jornal Mundo Espírita

Setembro de 2019 Número 1622 Ano 87
Notícias das URES Envie para um amigo Imprimir

Reunião com as especializadas

fevereiro/2014 - Por Mary Ishiyama

Foi no dia 11 de dezembro, na sede da Federativa Estadual, e atenderam ao convite: AME – PR – Associação Médico Espírita – Paraná, representada por seu Presidente, Edson Gomes Tristão, o Vice-Presidente, Javier Salvador Gamarra e Rosemeri Zenoni; ADE –PR – Associação de Divulgadores Espíritas – Paraná, com seu Presidente Wilson Czerski e o coordenador de eventos, Robson Balaguer. José Virgílio Góes, conselheiro da FEP, representou a Cruzada dos Militares Espíritas.

Essa reunião atendeu pedido das especializadas e fora aprovada em reunião do Conselho Federativo Estadual – CFE, de 31 de agosto, constituindo-se na primeira das tantas que deverão ocorrer, sempre em data próxima à reunião do próprio CFE (meses de fevereiro, maio, agosto e novembro).

Luiz Henrique da Silva, Presidente da FEP e o 2º vice, Adriano Lino Greca, conduziram a pauta, em clima de harmonia e fraternidade, ao lado de Reginaldo Silva Araújo, do Departamento de Unificação do Movimento Espírita; Maria Helena Marcon, assessora de Comunicação Social; Mary Ishiyama, vice-coordenadora da Área de Comunicação Social Espírita; Marco Antonio Negrão, gerente da FEP e Marco Aurélio Ishiyama, gerente do Recanto Lins de Vasconcellos.

As especializadas foram brindadas com documentos norteadores do Movimento Espírita, nesse intuito de se caminhar juntos, atendendo aos mesmos propósitos: Orientação aos Órgãos de Unificação, Orientação ao Centro Espírita, Orientação à Comunicação Social Espírita, Diretrizes ao Sistema Federativo Estadual, Folder do 4º Congresso Espírita Brasileiro, edições do Jornal Mundo Espírita, com notícias sobre o Hospital Espírita de Psiquiatria Bom Retiro e a  Escola Profissional Maria Ruth Junqueira, além de DVDs com material institucional da FEP e os Melhores Momentos da XV Conferência Estadual Espírita – CEE.

O Plano de Desenvolvimento da FEP e o tema da XVI CEE foram outros assuntos tratados.

Disposição ao trabalho, reconhecimento pelo tanto que cada qual desempenha, no atendimento aos próprios objetivos da instituição, ênfase ao burilamento do trabalhador espírita, as dificuldades que se apresentam foram itens debatidos em conjunto, firmando-se o propósito de atividade conjunta, para os dias futuros, o que somente virá a fortalecer o Movimento Espírita Estadual.

Assine a versão impressa
Leia também