Jornal Mundo Espírita

Dezembro de 2020 Número 1637 Ano 88

O Jovem e a Mediunidade

agosto/2020

Esta será a temática dos Encontros Regionais de Juventudes Espíritas, no ano 2021. A escolha contou com a participação dos Departamentos de Infância e Juventude – DIJs de todo o Estado do Paraná.

Durante o ano em curso, será estudada, em prévias, preparando os jovens para os Encontros Regionais que, tradicionalmente, acontecem no período do Carnaval, organizados pelas seis Inter-Regionais, que agrupam as vinte e uma Uniões Regionais Espíritas  – UREs.

O assunto se reveste de relevante importância, especialmente quando comemoraremos, no próximo ano, 160 anos de lançamento de O Livro dos Médiuns, a segunda obra básica da Doutrina Espírita, codificada por Allan Kardec:

O Livro dos Médiuns, ou Guia dos Médiuns e dos Evocadores, foi publicado em 15 de janeiro de 1861, em Paris.

Há muito tempo anunciada, mas com a publicação retardada por força de sua mesma importância, esta obra (…) constitui o complemento de O Livro dos Espíritos, e encerra a parte experimental do Espiritismo, assim como este último encerra a parte filosófica.

De acordo com os Espíritos, contém a explicação teórica dos diversos fenômenos e das condições em que os mesmos se podem reproduzir. Mas a parte concernente ao desenvolvimento e ao exercício da mediunidade foi de nossa parte objeto de particular atenção.1

O DIJ/FEP estruturou a realização de quatro lives com oradores espíritas da atualidade, vinculados ao Movimento Espírita nacional. Serão transmitidas através do Canal FEP pelo Youtube nos meses de julho, agosto, setembro e outubro.

  • Dia 11.7 – Divaldo Pereira Franco abordará Os fenômenos mediúnicos registrados ao longo da História e a mediunidade a partir do Espiritismo (1857).

Coordenação: Inter-Regionais Centro (UREs 12ª, 14ª, 15ª) e Oeste (UREs 10ª, 13ª, 17ª).

  • Dia 29.8 – Alessandro Viana Vieira de Paula enfocará a Contribuição e finalidade do Espiritismo quanto às manifestações e comunicações dos Espíritos.

Coordenação: Inter-Regionais Noroeste (UREs 7ª, 8ª, 9ª, 11ª) e Norte (UREs 4ª, 5ª, 6ª, 16ª).

  • Dia 12.9 – Leonardo Machado falará sobre o Contexto histórico, o objetivo, a estrutura didática e metodológica e a importância de O Livro dos Médiuns.

Coordenação: Inter-Regional Leste (UREs 1ª, 2ª, 3ª, 21ª).

  • Dia 3.10 – Alberto Almeida conduzirá as reflexões em torno da Importância do estudo, identificação das ações e comunicações espirituais perniciosas ou salutares, seus efeitos e benefícios.

Coordenação: Inter-Regional Metropolitana (UREs Metropolitanas Leste, Norte, Oeste).

A proposta é de se utilizar em torno de sessenta minutos para cada live, compreendendo a apresentação do assunto pelo convidado nos primeiros trinta e, na sequência, respostas a perguntas previamente elaboradas pelos jovens da Inter-Regional coordenadora da tarefa no dia.

A juventude espírita paranaense desfrutará de uma excelente oportunidade de olhar para a mediunidade sob o prisma essencialmente doutrinário, trazido por cada um dos convidados.

Compartilhar da experiência de Divaldo Pereira Franco (Bahia), que atua no labor mediúnico desde muito jovem, ininterruptamente, será motivo de reflexões ao jovem espírita a respeito da disciplina, desprendimento e abnegação, considerando-se o trabalho hercúleo, nessa área, do baiano que ofereceu ao Movimento Espírita mais de duas centenas de livros psicografados.

Sua tarefa, na oratória espírita, divulgando a Doutrina pelo mundo inteiro; seu trabalho frente às obras sociais da Mansão do Caminho; a idealização e concretização do Movimento Você e a Paz, desde  1998, são outros tantos itens que expressam um exemplo do moço que abraçou a Doutrina e prosseguiu, ao longo dos anos, sem jamais desanimar ou se manter inativo.

Alessandro Viana Vieira de Paula (São Paulo), expositor e autor espírita, é profundo conhecedor da obra kardequiana, e contribuirá certamente com outras tantas importantes reflexões acerca da mediunidade, na visão espírita.

Leonardo Machado (Pernambuco), igualmente expositor espírita desde muito jovem, e Alberto Almeida (Pará), desde cedo vinculado à Juventude Espírita, expositor e autor espírita, são outros exemplos para todos os jovens. Com seu conhecimento e carisma, ampliarão a visão e a compreensão dos participantes em torno da mediunidade e seu papel para a Humanidade como um todo.

É oportunidade ímpar para o jovem ouvir, aprender a respeito da mediunidade dentro de abrangência tão grandiosa, sob vários aspectos e diferentes olhares provindos das mais diversas regiões de nosso país.

Tudo isso graças ao aprendizado que estamos desenvolvendo na utilização da tecnologia para a aproximação de corações, fortalecimento de amizades e disseminação de conhecimento.

Avante jovens espíritas, aprendendo cada vez mais a amar e a servir com dedicação e humildade, transformando a mediunidade nesse instrumento abençoado de elevação e progresso para todos.

Referência:

1 KARDEC, Allan. Revista Espírita: Jornal de Estudos Psicológicos. Ano 1861, v. I. São Paulo: EDICEL, 1999. O Livro dos médiuns.

Assine a versão impressa
Leia também