Jornal Mundo Espírita

Dezembro de 2018 Número 1613 Ano 86
Notícias das URES Envie para um amigo Imprimir

Movimento Espírita do Paraná

Centro Espírita Amor e Caridade

novembro/2008

O Espiritismo já existia em União da Vitória desde 1915 quando, em 1919, foi doado um terreno para a construção do Centro, na rua Almirante Barrozo nº 7, pelo coronel Amazonas, então Prefeito Municipal, e em seguida foi construída uma casa de madeira, a fim de serem realizadas as reuniões de estudo e prática da caridade.

Nesta época o presidente era Octávio Araújo e tinha como colaboradores Cap. Irineu Araújo, Antônio Cordeiro, João Riesemberg, Moisés Araújo, Lídia Matoso, entre outros.

Estes trabalhadores permaneceram até 1930, mais ou menos, e com a desencarnação destes irmãos o Espiritismo ficou adormecido.

Em 1942 surgiu um grupo de médiuns presidido por Manoel Ângelo da Guarda, desde então não parou mais, pelo contrário, com o apoio e prestígio de Teodoro Keppen Sobrinho e Antônio Domit, progrediu ainda mais.

Em ata datada de 4 de agosto de 1943, ficou empossada nova diretoria com a fusão do Centro Espírita Amor e Caridade e Centro Espírita Guia João das Foices. A sede ficou na rua: Floriano Peixoto Nº 14, em casa alugada, pois a casa própria estava muito danificada.

Em 1947 mudaram para a casa própria e fizeram a reforma na antiga casa.

Em 1955 o Centro Espírita Amor e Caridade se torna filiado à Federação Espírita do Paraná.

Em 1966 deram início as obras do atual prédio, que foi concluída em nove meses. E funciona até hoje, Rua Almirante Barrozo Nº 7 União da vitória PR

O atual presidente é Marcelo Domício Scaramella Mello.

Assine a versão impressa
Leia também