Jornal Mundo Espírita

Fevereiro de 2021 Número 1639 Ano 88

Estátua de Chico Xavier é inaugurada em Uberaba

dezembro/2020

Homenagem a um grande brasileiro que fez do diálogo, da tolerância e da caridade uma ponte entre o amor e a sociedade. Neste 2020 em que completaria, se estivesse encarnado, 110 anos, o mineiro Francisco Cândido Xavier, o Chico Xavier (1910-2002), teve a memória reverenciada, em 29 de outubro, em Uberaba, no Triângulo Mineiro, onde viveu por décadas e morreu em 30 de junho de 2002.

Em cerimônia na Praça Rui Barbosa, a Prefeitura entregou à comunidade a estátua em bronze do médium, de responsabilidade da artista plástica Vânia Braga.

A escultura tem tamanho natural, com a mesma linguagem que a artista, conterrânea do médium, aplicou no exemplar instalado em praça da cidade de Pedro Leopoldo, sendo retratado com o livro Nosso lar, nas mãos. A obra em bronze pesa 250kg, produzida na Fundição Artística São Vicente, em Belo Horizonte/MG, sob a coordenação do artista Diego Rodrigues.

De acordo com Vânia, a intenção era homenagear o homem considerado o mineiro do século. Para ela, é um prazer ver a obra retratando Chico Xavier em Uberaba, pois se trata de uma homenagem ao líder espírita, responsável por semear e cultivar amor, respeito, tolerância, diálogo e solidariedade.

G1 Triângulo e Alto Paranaíba

Assine a versão impressa
Leia também