Jornal Mundo Espírita

Setembro de 2019 Número 1622 Ano 87

Dá conta de tua administração

agosto/2017

Jesus (Lucas, 16:2)

Planejamento, liderança, iniciativa… recursos fundamentais para a administração

Quem vive a realidade do mundo corporativo está bastante acostumado com os termos planejamento, estratégia, liderança, organização, metas, entre outras. Fazem parte da rotina das atividades do mundo empresarial para a adequada administração das organizações, permitindo que atinjam seus objetivos e cumpram com a finalidade de sua existência.

Num olhar mais atento, perceberemos que, talvez inconscientemente e utilizando outros termos, essas são ações inerentes à própria vida humana. Todos precisamos administrar o nosso lar para que a família viva em harmonia, de forma organizada, utilizando bem os recursos humanos (pessoas) e materiais de que dispõe; necessitamos, desde cedo, planejar adequadamente o nosso futuro, gerenciando nossos estudos, criando estratégias para entrar em uma faculdade, realizar cursos de especialização, ascender profissionalmente, estabelecendo metas ao longo do tempo, para que possamos alcançar um objetivo maior. Precisamos, inclusive, num olhar mais imediato, bem administrar cada dia das nossas vidas, aproveitando, de forma salutar, todos os recursos que nos são colocados à disposição, diariamente.

Ainda nesse contexto, a liderança se apresenta como fator fundamental para que projetos saiam do papel, como se diz comumente, e se tornem realidade. Pessoas que nos inspirem, que nos direcionem, que nos auxiliem a organizar as ideias e as ações são peças essenciais para toda e qualquer organização e para as nossas vidas também.

Observando todo esse conjunto de reflexões, lembramos que o nosso próprio planeta, enquanto organização divina e sob o comando do Excelso Líder, que é Jesus, possui uma grande equipe trabalhando incessantemente no planejamento e na execução de ações visando que o Seu Evangelho se torne acessível e compreensível para todos os habitantes do planeta.

Essa equipe conta com trabalhadores encarnados e desencarnados, desdobrando-se em esforços constantes para o que o plano do Grande Mestre se torne realidade. Em especial, neste mês de agosto, recordamos datas importantes para o trabalho de disseminação do Evangelho de Jesus entre os corações das crianças e jovens através das atividades de evangelização espírita infantojuvenil.

Leopoldo Machado

Há 60 anos desencarnou, no dia 22 de agosto de 1957, esse líder espírita, que trabalhou incansavelmente, pela divulgação da amada Doutrina do Espíritos, que conheceu através de José Petitinga, no ano de 1915.

Nascido na Bahia, no ano de 1891, após seu casamento com Dona Marília Ferraz de Almeida mudou-se para a cidade de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro, onde desenvolveu inúmeras atividades de amparo aos necessitados. Educador pedagógico, foi grande incentivador para a instituição das Escolas Espíritas de Evangelização para a Infância junto ao movimento espírita brasileiro.

Considerado criador das Mocidades Espíritas, foi o idealizador e organizador do 1º Congresso de Mocidades Espíritas do Brasil, realizado no Rio de Janeiro de 17 a 23 de julho de 1948, contando com a participação de vários expoentes do movimento espírita nacional, dentre os quais Arthur Lins de Vasconcellos Lopes e Altivo Ferreira. O evento foi coroado de êxito tendo a presença de autoridades civis, militares e membros da política nacional, além de um número expressivo de jovens espíritas de todo o Brasil, que estudaram, confraternizaram e celebraram a alegria de reencontrar o Evangelho de Jesus através da Doutrina Espírita. (https://www.youtube.com/watch?v=HLmTN0dpGMo)

O Congresso teve profundas repercussões junto ao movimento jovem do Brasil, que respondeu à altura a esse dedicado trabalhador que acreditou na força dos moços, como mola propulsora para renovação de valores ao movimento espírita.1

Ainda hoje contamos com a colaboração de Leopoldo Machado inspirando as juventudes através de mensagens mediúnicas, motivando-as a seguir com sua força varonil e renovadora, voltada para a construção de um mundo melhor, edificado sob as bases do Evangelho.2

Fortalecimento das ações com Infância e Juventude no Paraná

No mês de agosto, comemoramos 30 anos da primeira reunião conjunta do DIJ/FEP com DIJ’s das URE’s, realizada concomitantemente à reunião do Conselho Federativo Estadual, no dia 23 de agosto de 1987.

Desde então, a cada quatro meses reúnem-se as lideranças dos DIJ’s de todo o Estado do Paraná para planejar, propor, implementar, avaliar e alavancar as ações junto às crianças e jovens. Iniciativa que permitiu a organização e difusão das atividades de evangelização espírita infanto-juvenil tal qual encontramos hoje em todo o Paraná, contando com o esforço empreendido pelos nobres trabalhadores da seara do Mestre, equipe incansável com a qual conta o amigo Jesus.

São estes exemplos notórios da justa administração do tempo e das oportunidades confiadas a cada um de nós, conforme a exortação do Mestre Nazareno: Dá conta de tua administração.

Bibliografia:

1 http://www.feparana.com.br/topico/?topico=680

2 https://www.facebook.com/federacaoespiritamaranhao/posts/989367714434608

Assine a versão impressa
Leia também