Jornal Mundo Espírita

Setembro de 2019 Número 1622 Ano 87

Centenário de nascimento

outubro/2015

Elvira Marquesini Vaz nasceu em Ponta Grossa, Paraná, no ano de 1915, período da Primeira Guerra Mundial, e, naquele 15 de outubro, sua chegada ao mundo foi pelo pai italiano, Lúcio e a mãe alemã, Madalena.

Teve uma vida de extrema dedicação e nos dá exemplo desses Espíritos que vêm à Terra, não somente para sua própria edificação e progresso, mas para demonstrar como o Bem pode e deve ser feito, a qualquer tempo.

Sua vida física se encerrou aos oitenta anos, no dia 21 de março de 1996.

Em outubro de 1995, por seus cinquenta anos de trabalho no Albergue Noturno, a FEP lhe rendeu homenagem, que o Jornal Folha de Londrina registrou, em sua edição do dia 19, assinalando que foi responsável, ao longo de tantos anos por muitos casamentos. Nas palavras dela: Eu levava os casais no cartório e fui madrinha de muitos deles.

Foi uma mulher abnegada e de um sentimento de fraternidade imensurável. Sua bondade era percebida em cada gesto. Abdicou de uma série de situações supérfluas em benefício das pessoas carentes e necessitadas.

No centenário do seu nascimento, ao recordar-lhe a figura gentil e o trabalho a bem do próximo, oramos ao Divino Amigo para que a envolva em Suas bênçãos generosas de Paz.

Onde quer que ela se encontre, receba a nossa renovada gratidão!

Foto: Acervo FEP

Assine a versão impressa
Leia também