Jornal Mundo Espírita

Setembro de 2019 Número 1622 Ano 87

Amigo que deixa saudade

junho/2008 - Por Marcus Azuma

No dia 25 de Abril, o movimento espírita jovem perdeu um de seus excelentes colaboradores.

Emerson  Pavezi, por ser um dos mais velhos do grupo de seus amigos era carinhosamente conhecido por “Dino”. Nasceu em 27 de agosto de 1972, portanto, contava com 35 anos.

Participante assíduo da Juventude Espírita, engajou-se no trabalho junto ao Departamento de Infância e Juventude, dentro da União Regional Espírita Metropolitana Leste, onde trabalhou por vários anos.

Morava na cidade de São José dos Pinhais, região Metropolitana. Frequentador e coordenador do grupo de Jovens do Centro Espírita Caminho do Evangelho, trabalhava como técnico em plásticos, numa escola profissionalizante.

Participava do Grupo de Teatro Espírita INTEGRARTE, formado por jovens de várias casas espíritas da capital.

Amante da Arte, colaborava também da Organização dos Festivais: FECC – Festival Espírita da Canção de Curitiba e do FE5′ – Festival Espírita Cinco Minutos, com ênfase na apresentação de peças de teatro, realizados pela União Regional Espírita Metropolitana Oeste. Fazia também, parte da Organização do EEV- Encontro Espírita de Verão, na equipe de infra-estrutura e som e vídeo, encontro este, destinado à juventude espírita na época do Carnaval.

Sua vida corria contra o tempo em busca de um doador de medula óssea compatível, pois sofria de leucemia. Em meio de tantos tratamentos, como quimioterapias, mesmo assim, não esmorecia perante o trabalho da causa espírita. Mesmo conseguindo o doador e o transplante, infelizmente, outros órgãos do corpo não suportaram a cirurgia.

Pais, irmãos, parentes e amigos sentirão sua falta, mas com a certeza de que a vida não acaba, aguardarão a possibilidade do reencontro.

Assine a versão impressa
Leia também