Jornal Mundo Espírita

Abril de 2020 Número 1629 Ano 88
Notícias das URES Envie para um amigo Imprimir

4ª URE

Lar Anália Franco comemora 40 anos de fundação

Maio/2014 - Por Graça Maria e Dorival da Silva

A noite de 10 de março, quando da palestra de Luiz Henrique da Silva, em Cambará, significativa comemoração aconteceu.

Graça Maria, na qualidade de mestre de cerimônias, historiou de forma sucinta, a saga da Instituição, que é mantenedora do Centro de Educação Infantil Caminhos de Luz. O Lar nasceu a partir de uma visão da médium Guiomar Fonseca Farias, do Espírito Anália Franco, que lhe inspirou a construção, a fim de que atendesse crianças necessitadas, proporcionando-lhes instrução moral e religiosa.

Logo, Guiomar encontrou outros corações que se dispuseram a tornar realidade o empreendimento. O terreno foi doado por Renato Fernandes que realizava, à época, um loteamento na região. Somaram-se os beneméritos: Humberto Marcolim conseguiu o serviço de terraplanagem junto a uma empresa, Joaquim Biondo doou pedras, Floriano Ávila Sanches a madeira para o barracão que serviu de depósito dos materiais, João Olivato e Guerino Pirolo, madeiras e tijolos, enquanto o projeto saiu das mãos do engenheiro Rafael Antonaci.

Muitos outros colaboraram e, em 1952, foram iniciadas as obras. Guiomar desencarnou em 1969 mas, a 24 de março de 1974, inaugurou-se o Lar Anália Franco, em sistema de creche, a primeira instituição da espécie, em Cambará.

Divaldo Pereira Franco, a convite de Hélio Romano, grande divulgador da mensagem espírita, esteve presente na inauguração. Naquela noite, ainda, proferiu conferência no Clube Norte, de Cambará.

Zinair Pinheiro Romano merece um capítulo especial, ao se assinalar as quatro décadas do Lar. Quando ainda não se falava em Centros de Educação Infantil, ela esquematizou toda uma estrutura de trabalho nesse sentido. Assim, quando em 2011, passou a funcionar  em sistema de Centro de Educação Infantil Caminhos de Luz, o trabalho, na prática, já existia, graças à visão futurista de Zinair, que desencarnara em 1995.

A palestra contou com as presenças do Prefeito João Mattar Olivato; o vereador e Vice-Presidente da Câmara Rogério Frutuoso; a Secretária Municipal da Educação e Cultura, Francieli Axman Duarte; a Secretária Municipal da Assistência Social, Cristina de Paula Pinto; o Sargento do Tiro de Guerra 05 – 001, Geraldo Feliciano; o Presidente da 4ª URE, Dorival da Silva; o Presidente da 16ª URE, Luiz Cláudio de Assis Pereira; o Presidente do Centro Espírita Camille Flammarion e Vice-Presidente do Lar, Waldir Trautwein e o Presidente do Lar, Almir del Padre.

Foram homenageados, na noite de comemorações, espíritas das horas primeiras e benfeitores, com o Troféu LAF- 40 anos: Humberto Marcolim, representado por sua filha, Neide Marcolim Trautwein; Guiomar Fonseca Farias, representada por sua filha Sonia Fonseca Farias Rodelli; Hélio Romano, representado por Reinaldo Romano; Neonete Balbino; Cláudio Vicente Dutra; Rogério Frutuoso, representado por Peterson Frutuoso;  Queila Amaro;  Luiz Henrique da Silva, pela Federação Espírita do Paraná; Airton Balbino, representado por Benedita Balbino; João Mattar Olivato.

Foi uma verdadeira noite de bênçãos, na qual a Doutrina Espírita jorrou vigorosa das palavras de Luiz Henrique, alcançando mentes e corações e a gratidão se manifestou, na homenagem aos pioneiros e seus continuadores, na valorização do Bem.

O Presidente da FEP, em outro momento, ainda inaugurou espaço cultural na Creche, uma Biblioteca.

Assine a versão impressa
Leia também