Jornal Mundo Espírita

Outubro de 2020 Número 1635 Ano 88

118 anos da Federação Espírita do Paraná

outubro/2020

A manhã de 23 de agosto demarcou o início das comemorações, com comovente discurso do presidente da FEP, Luiz Henrique da Silva, que historiou o labor encetado pela instituição, desde a sua fundação, em 24 de agosto de 1902.

A alocução iniciou com tributo de gratidão a todos, dos pioneiros aos atuais voluntários, funcionários, colaboradores, parceiros que contribuíram com a FEP e que até hoje se mantêm trabalhando em nome do Bem e de Jesus.

Enfatizou a equipe valorosa que tem se esmerado na realização das tarefas, nos Centros Espíritas, nas Uniões Regionais Espíritas – UREs, nas coordenadorias das Áreas na FEP: Administrativo/Institucional; Assistência e Promoção Social Espírita; Atendimento Espiritual no Centro Espírita; Comunicação Social Espírita; Estudo do Espiritismo; Família; Infância e Juventude; Livro; Mediunidade; Unificação e Expansão do Movimento Espírita.

De forma sucinta, elencou o trabalho realizado pelas equipes locais e da FEP nas vinte e uma UREs, em que se divide o Estado; nas seis Inter-Regionais e o incessante trabalho pela preservação da Memória do Movimento Espírita Paranaense, com sua Sede Histórica (Biblioteca Pública para adultos e crianças; Biblioteca de Obras Raras; Pinacoteca; Acervo de documentos, fotos, quadros; Visita Guiada), o Portal FEP (com os sites Biblioteca Espírita Virtual, Conferência Estadual Espírita, Jornal Mundo Espírita, Livraria Mundo Espírita, Momento Espírita, Teatro da FEP), Canal FEP e sua riqueza de conteúdos ofertados de forma gratuita.

Exaltou ainda o Centro de Treinamento Lins de Vasconcellos, a realização anual da Conferência Estadual Espírita, caminhando para sua 23ª edição em março de 2021 e as Unidades Sociais integradas: Hospital de Psiquiatria Bom Retiro e Escola Profissional Maria Ruth Junqueira.

Num convite a ponderadas reflexões individuais, questionou:

O que temos feito, de forma individual?

Estamos cumprindo com a nossa missão? –

Concluindo: As respostas ficarão com cada um.

Salientou o esforço federativo, neste período de afastamento e isolamento social em virtude da COVID-19, oferecendo a plataforma Zoom a todas as áreas de atuação, a fim de que prosseguissem com suas reuniões de trabalho com as equipes regionais e inter-regionais; os workshops, seminários, encontros, de forma virtual.

Finalizou, rogando as bênçãos a Deus e a Jesus para a nossa Federação Espírita do Paraná. Que possamos continuar trabalhando unidos em prol da divulgação da Doutrina Espírita.

 

A palestra

Cristiane Lenzi Beira, convidada a se servir da tribuna na data, ofereceu reflexões oportunas no enfoque da temática Reforma Íntima e superou duas mil visualizações.

Cristiane é vice-presidente da Sociedade Espírita Esperança, em Amparo; coordenadora da Evangelização Espírita Infantojuvenil e de Grupo de Estudos.

Autora de livros infantis como Sou igual ou diferente?; Como é difícil escolher; Espelho, espelho meu; As boas ideias dos meus amigos; Erramos, e agora?, É divertido pregar peças?

Também do infantojuvenil Que bicho ainda existe em você?

Em parceria com Alessandro Viana Vieira de Paula, publicou Viver no mundo – Reflexões espíritas sobre temas da atualidade. Todos editados pela FRÁTER e disponíveis na livrariamundoespirita.com.br

 

Uma reunião especial do Evangelho

Somaram pouco mais de cinquenta participantes, os membros do Conselho Federativo Estadual – CFE, coordenadores de Áreas da FEP, presidentes de UREs e de Centros Espíritas que se encontraram, virtualmente, em torno do Evangelho, no dia 24, à noite, atendendo ao convite do presidente, Luiz Henrique da Silva.

Os comentários e as preces de abertura e encerramento lembraram os pioneiros, os trabalhadores atuais, os que partiram há pouco, e as rogativas se fizeram intensas no sentido da manutenção do bom trabalho, da união, do prosseguimento das abençoadas tarefas federativas.

 

Lançamento

Ao ensejo do seu Centenário, a FEP lançou a obra Os Expoentes da Codificação Espírita, oferecendo dados biográficos de vários dos Espíritos que a assinam, colocando-os à disposição do leitor amigo, numa contribuição ao conhecimento.

Dezoito anos depois, lança a segunda edição, totalmente revisada, nova concepção de capa e entradas de capítulos.

Um belo presente a todos os interessados a se inteirar das vidas desses benfeitores, cujos nomes se encontram escritos no livro do Reino dos Céus.

 

Os cumprimentos

Foram muitos, vindos de todas as partes do Estado e fora dele.

Voluntários, frequentadores, beneficiados pelos esclarecimentos e pela coordenação segura da FEP, manifestaram-se em e-mails, mensagens pelo whatsApp, telefonemas.

Na impossibilidade de a todos publicar, transcrevemos alguns, que simbolizam todos os amigos do Bem que enviaram seus votos de progresso incessante, paz e união, na passagem da importante data.

Manifestamos nossa gratidão por todo apoio histórico que nos é ofertado, desde os primeiros anos do Centro Espírita até os dias atuais. Trata-se de uma parceria em contínua construção, cujos resultados se expressam nos planos da vida, física e espiritual, e que a nossa acanhada percepção não consegue abarcar por inteiro.

Mas, em nossos corações, percebemos a sinceridade desses movimentos que envolvem fraternidade e solidariedade, tão importantes para a transformação da Humanidade.

Sigamos unidos conforme nos orientam Allan Kardec e Bezerra de Menezes, pois unidos nos  fortalecemos.

                                               Roberto Sabatella/Membro do CFE/Centro de
Estudos Espíritas Francisco de Assis/Curitiba

Parabéns à nossa FEP pelos seus 118 anos iluminando consciências, levando conforto aos corações aflitos.

Eterna gratidão aos nossos irmãos pioneiros que plantaram essa divina semente e a todos aqueles que contribuem para manter essa árvore dando maravilhosos frutos. Obrigado ao nosso Divino Mestre Jesus pela oportunidade de trabalho nessa seara bendita.

Rogamos ao Pai para que abençoe e proteja os dirigentes da FEP.

 Carlos Françolin/Presidente da 9ª URE/
Centro Espírita Allan Kardec/Umuarama

São 118 anos!   Um período de lutas e dificuldades que, os que chegaram como eu nos anos 80, e conheceram a História da FEP, principalmente dos seus primeiros 50 anos, não há como não se emocionar.

Foram 118 anos de zelo doutrinário e trabalho de Unificação, que ultrapassaram em muito as fronteiras do nosso Estado, alcançando as de todo o território nacional, sob a coordenação de um dos seus pioneiros.

Conhecendo os feitos dos trabalhadores dos primeiros tempos, sentimos o peso da responsabilidade daqueles que hoje estamos dando prosseguimento à missão da FEP: Qualificar, Unificar e Divulgar, como sonharam os pioneiros, para alegria e glória de Allan Kardec, nosso maestro.

Que Jesus abençoe os 118 anos da FEP!

Alcidio Pereira/Presidente da 7ª URE/
Associação Espírita de Maringá

Gratidão aos 118 anos da FEP

No alvorecer dessa Nova Era

A exigir muita firmeza de ação

Festejamos, nesta, e na outra esfera,

O aniversário da nossa Federação.

 

Nosso pensamento volta ao passado

A relembrar os pioneiros dos inícios,

E a gratidão caminha ao nosso lado

Ao identificar tão nobres sacrifícios.

 

A quem nos referir para reconhecer

Entre tantos heróis com nobres fins?

Cada um veneramos, por tal merecer,

Na figura impoluta do venerável Lins.

 

Somos herdeiros dessa História de glórias

Como lhe daremos, então, perenidade?

A Casa Magna espera as nossas vitórias

Na União e Unificação de cada atividade.

 

O Movimento Espírita se estende no Estado

Levando luzes novas a todos os corações

É o Evangelho de amor, na Doutrina ofertado,

Libertando as almas em lógicas reflexões.

 

Ave, Nobre Federativa, pela sua unidade

No exercício de fidelidade à Codificação

Sustentando o estudo e a lida na Caridade,

Unidos para construir o futuro: amor em ação.

 

É como se erguêssemos aos céus um canto

Para expressar o dever em uma única voz:

A Federação é viva em todo canto e Recanto,

A Federação, em essência, somos todos nós.

 

Deus abençoe esta organização humana

Inspirada no Bem, pelas fontes espirituais.

Que a luz do amor, que a todos nós irmana

Nos inspire a servir, como seres imortais.

 

Que o eco do amor do Divino Nazareno

Nos sustente no calvário da própria cruz

Pois o nosso fardo é leve e o jugo ameno

Porque o nosso Cireneu é sempre Jesus.

 

Glória ao Pai, de infinita justiça e bondade

Sustenta em Tua Providência e concórdia

A nossa Federação, esta nobre Entidade,

Por bênção da Tua Divina Misericórdia.

 

Lincoln Barros de Sousa/Membro do CFE/Centro Espírita Servidores do Bem/Foz do Iguaçu

Assine a versão impressa
Leia também